O ator Chris Colfer na pele do personagem Kurt Hummel, que protagoniza beijo gay em 'Glee', exibido pela Globo (Foto: Divulgação)O ator Chris Colfer na pele do personagem Kurt
Hummel, que protagoniza beijo gay em 'Glee', exibido
pela Globo (Foto: Divulgação)
O beijo gay está liberado na Globo, pelo menos fora das novelas e tarde da noite. A emissora promete exibir na próxima quinta-feira (16) uma cena do tipo no episódio "Nunca Fui Beijado", de "Glee".

"O episódio será exibido normalmente, com todas as suas cenas", informou a Central Globo de Comunicação, após consultada pelo site "F5".

A série, cuja primeira temporada foi exibida nas manhãs de sábado, passou para a madrugada no segundo ano. Apesar de já contar com um personagem homossexual, "Kurt" desde o primeiro episódio, ele nunca havia aparecido em cenas de beijo.

A Globo não confirma que a alteração teve a ver com as cenas -são duas no segundo ano, ambos exibidos na TV paga pela Fox. Diz apenas que o horário de exibição das temporadas "obedece às suas respectivas classificações indicativas".

A própria emissora fez questão de frisar que já exibiu beijos gays em outras produções, como na minissérie "Queridos Amigos" e no filme "O Segredo de Brokeback Mountain".

BEIJO BOM
Intérprete do personagem Kurt, o ator Chris Colfer, 21, comentou a possibilidade de o beijo ser cortado no Brasil, após ser informado do tabu em torno do tema no país.

"Acho que as pessoas que têm problema com a cena podem fechar os olhos", brincou durante entrevista em Los Angeles, no final do ano passado. "Não precisam editar o seriado."

"Acho que foi um bom beijo, fazia sentido para os personagens e era importante para a trama", afirmou. "Não deveria haver tanto estardalhaço por causa disso."

O ator, que ganhou o Globo de Ouro pelo papel, disse que sente a responsabilidade -e algumas vezes medo- de carregar um personagem que representa toda uma minoria.

"Às vezes, chega a ser um pouco opressivo", comentou. "Tem pessoas loucas no mundo que não gostam de você e do que você representa. E eles se fazem notar, te mandam cartas loucas. Ainda estou aprendendo a lidar com isso."

Veja o ator Max Adler em campanha anti-homofobia (em inglês):


SPOILER
No episódio "Nunca Fui Beijado", Kurt conhece o líder de um coral rival, Blaine (Darren Criss).

Gay assumido, ele vai ajudar o estudante a enfrentar o jogador de futebol americano Karofsky (Max Adler) que está fazendo sua vida impossível no colégio McKinley.

Só que ao confrontá-lo, surpreendentemente, o atleta acaba roubando um beijo do integrante do coral.

Um segundo beijo gay ocorrerá mais para a frente na mesma temporada, entre os personagens Kurt e Blaine.