Daniel Zamudio corre risco de vida após agressão de grupo neonazista.
'Espero que seja feita justiça já', disse o cantor porto-riquenho.


O cantor porto-riquenho Ricky Martin (Foto: Divulgação)O porto-riquenho Ricky Martin (Foto: Divulgação)
O cantor portorriquenho Ricky Martin enviou uma mensagem ao jovem homossexual Daniel Zamudio, que corre risco de vida após ter sido agredido por um grupo neonazista no centro de Santiago do Chile no último final de semana.

"Não mais ódio, não mais discriminação. Espero que seja feita justiça já. Muita luz para Daniel e toda sua família", disse o artista por meio de sua conta no microblog Twitter.

O Movimento de Integração e Libertação Homossexual (Movilh) denunciou que Zamudio recebeu diversos golpes de objetos cortantes. Ele sofreu traumatismo craniano e fraturas na perna direita, além de ter sido marcado com uma suástica na região do abdômen.

Segundo a organização, este foi um dos mais graves casos de violência homofóbica registrados nos últimos anos na região.