Ministério da Justiça diz que não poderia ser reclassificada porque novela passaria a veicular "conteúdos de natureza e de relevância social".

Do Gay1 Entretenimento
Maruschka se muda com Mirta para a casa de Ana Girafa e redecora tudo (Foto: Divulgação/TV Globo)Maruschka se muda com Mirta para a casa de Ana Girafa e redecora tudo (Foto: Divulgação/TV Globo)
Personagem típico nas novelas de Miguel Falabella, a travesti Ana Girafa, vivida pelo ator Luis Salém, foi “impedida” de viver um romance no fim da novela. Irá terminar na Vila Caiada em companhia da avó Mirta (Jacqueline Laurence), mas sem namorado. O autor da novela disse em entrevista ao site UOL que resolveu cancelar o namorado da cabeleireira para evitar que a novela fosse reclassificada pelo Ministério da Justiça.

“Eles não deixam tratar desses assuntos nesse horário. Se eu desse um namorado para a Ana Girafa, a novela seria reclassificada. E como essa novela foi tranquila, não deu trabalho, não teve processo, resolvi não criar problema”, diz o autor aos risos.

Já o ator Luis Salém achou o final da personagem adequado, pois, segundo ele, “Ana Girafa não estava preparada para viver um romance”. “Eu acho que a Ana tinha que resolver as questões dela com a mãe. Ela precisava desse encontro. E o Miguel escreveu uma cena linda para as duas no final. A Maruschka [Marília Pêra] vai embora para o exterior, mas, na despedida, ela realmente aceita a filha. Depois agradece por tudo o que ela fez e pede desculpas por tê-la abandonado e rejeitado. Eu e Marília ficamos bastante emocionados.”

Segundo o Ministério da Justiça, a novela não poderia ser reclassificada se Ana Girafa vive-se um romance, a obra passaria a veicular "conteúdos de natureza e de relevância social", "em especial pela valorização e respeito aos direitos homossexuais".